Olá mochileiros, espero que todos tenham passado um ótimo Reveillon. Para o primeiro post de 2011 preparei uma entrevista com o pessoal do site Viagens Maneiras. Na verdade “o pessoal” é formado pelo casal Gustavo e Ana Machado (super atenciosos quando entrei em contato) e pelo Tapa, um cachorro muito bonito da raça labrador.


Viagens Maneiras

O Viagens Maneiras é um site com a seguinte missão: “ajudar o Brasil a se transformar, no futuro, no destino de maior potencial turístico ecológico do mundo, fornecendo aos nossos usuários informações úteis e sucintas sobre cada destino.”

Mas o grande destaque é o Projeto “Pêlo Mundo”, que consiste do seguinte:


O que é isso?
Projeto de VOLTA AO MUNDO realizado por um LABRADOR preto, brasileiro, chamado cachorro Tapa

Objetivo?
Tornar-se o cachorro mais viajado do mundo.

Como?
Nosso transporte é uma Hilux 4×4, ano 2008, devidamente adpatada.

Caminho?
Veja no MAPA. O carro irá dentro de containers em navios entre os continentes.

Tempo?
2 anos

Distancia?
160.000 km

À seguir, confiram a entrevista que o Gustavo e a Ana, gentilmente, concederam para o Eu Vou de Mochila.

EU VOU DE MOCHILA: De onde surgiu a ideia em fazer esta aventura?

Ana, Gustavo e Tapa: Esta viagem de volta ao mundo sempre foi o sonho da vida do Gustavo e vem sendo planejada há alguns anos.

EU VOU DE MOCHILA: Quando começou a viagem e qual a previsão de término?

Ana, Gustavo e Tapa: Estamos na estrada desde julho de 2009 e, provavelmente, ficaremos viajando por mais 6 meses.

EU VOU DE MOCHILA: Quais as maiores dificuldades em relação a levar um cachorro junto na viagem? Quais os cuidados que devem ser tomados?

Ana, Gustavo e Tapa: Viajar com um cachorro não é fácil. Requer um planejamento prévio e pesquisa sobre os requisitos obrigatórios de permissão de entrada para cada pais. Alem disto, visita a veterinários, controle de vacinas, exames. E quando vamos atravessar oceanos é ainda mais complicado por causa do estresse que ficamos durante o voo preocupados se ele esta passando bem. Ele viaja num canil portatil e hoje em dia ja esta tirando de letra. Ja voou de aviao 4 vezes nesta viagem.

EU VOU DE MOCHILA: Qual o maior “perrengue” que passaram?

Ana, Gustavo e Tapa: Voamos de balão na Capadócia, Turquia, e ele rasgou há 3000 metros de altura. Por sorte e experiência do piloto conseguimos planar a tempo. Mas apesar do perrengão foi um passeio incrível, o visual é fantástico!

EU VOU DE MOCHILA: Como foi a preparação do carro? O que foi modificado?

Ana, Gustavo e Tapa: O carro foi totalmente adaptado para a viagem. Ele é um carro com cabine simples e foi construída uma capota térmica para caber uma “mini casa” dentro. Temos cama, armários, vaso sanitário químico, caixa d’agua que comporta até 120 litros, caixa de detrito, microondas, pia, chuveiro, geladeira, um inversor 2500w e outro de 1500w, duas baterias de ciclo profundo, além de outros equipamentos elétricos que nos ajudam a ter total autonomia.

EU VOU DE MOCHILA: Em relação à documentação (carteira de habilitação, documentos do carro). Há a necessidade de algo especial?

Ana, Gustavo e Tapa: Documentos obrigatórios para uma viagem como essa são: passaporte, carteira internacional de direção, seguro saúde internacional, cartela de vacinas atualizada e o CPD, Carnet de Passage en Douanes, que permite a importação temporária de veículos em diversos países do mundo. E no nosso caso, cartela de vacinas do Tapa sempre atualizada, assim como tratamento de carrapatos, pulgas e vermes.

EU VOU DE MOCHILA: Existe algum patrocínio para a viagem?

Ana, Gustavo e Tapa: Não temos nenhum patrocínio, infelizmente!

Agradeço imensamente ao Gustavo, a Ana e o Tapa pela entrevista.

Visitem o site Viagens Maneiras e acompanhe essa aventura no twitter @ViagensManeiras

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...