3° dia – 07/03/2011

Segunda-feira com cara de domingo, dia de praticar bóia-cross. Para esse dia escolhemos a agência Eco Turismo – Itararé Adventure que desde o começo, quando fizemos a reserva, se mostraram muito atenciosos e quando chegamos lá não foi diferente. Os monitores eram muito legais e nos estimulavam a fazer as atividades.

O roteiro durava o dia todo e não incluía lanche, por isso compramos algumas coisas no mercado Cofesa e fomos para a agência.

Começamos pelo Rio Verde, onde fizemos o bóia-cross com direito a “surf bóia”, “minhocão”, “caracol” e “Drop da Pedra”, que são brincadeiras que podemos fazer durante a descida pelo rio. Para voltar, um pequeno trekking de aproximadamente 2km.






Após o bóia-cross fomos até o Cânion do Pirituba, local onde temos uma vista muito bonita e também podemos ver a Pedra do Índio.




Depois foi a vez de conhecermos a Cachoeira do Invernada.




Continuamos passando por algumas cachoeiras menores e piscinas naturais. Continuamos nosso roteiro e mesmo pela pista vimos paisagens muito bonitas.




Logo após as cachoeiras e os cânions foi a vez de ir atrás das curiosas formações rochosas que existem na região. A primeira foi a Pedra do Gorila, formação que nos dá a impressão de vermos um gorila escondido na mata. Eu particularmente demorei para enxerga-lo, veja se você consegue.




Depois do “Donkey Kong” foi a vez da Pedra da Galinha e a Pedra do Camelo.




Além de podermos observar as formações, nessas pedras também podemos subir. Uma pequena caminhada e uma pequena escalada. Chegando lá em cima da “Galinha” podemos ter uma vista privilegiada, ótima para se observar o pôr-do-sol.

Como dito no começo do post, a agência desse 3° e último dia em Itararé foi a Eco Turismo que nos atendeu muito bem e nos proporcionou um roteiro incrível.

Custo: R$40,00 por pessoa.

Incluso: Para o bóia-cross estavam inclusos colete, capacete e bóia com alça para maior segurança.

Duração: O dia todo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...