viajando compra coletivaNo último mês de setembro o Turismo Em Debate foi sobre sites de Compra Coletiva. Não pude participar efetivamente do debate que rolou pelo twitter porque estava no #MochilaoEUA, mas participei da preparação e também pude ler a transcrição de tudo o que foi falado. E como não poderia ficar de fora, eis aqui o meu post sobre o assunto.


Os sites de compra coletiva se tornaram uma febre e as empresas ligadas ao turismo não demoraram a entrar nessa. Ofertas com pacotes de viagens começaram a surgir e ainda hoje é possível encontrar muitas ofertas que parecem ser o negócio da nossa vida. Mas não é bem assim, é preciso ficar de olho nas letrinhas miúdas e não acreditar de primeira em toda essa economia prometida.



Pra começar, não acredite em oferta milagrosa. Ao ver uma oferta, pesquise os preços em outros sites para ter a certeza de que se trata de uma oferta real. Já me deparei com ofertas e ao pesquisar o valor no site da empresa, percebi que não existia oferta alguma, os valores eram os mesmos.

É preciso prestar atenção também nas datas disponíveis para a utilização do pacote. Já encontrei ofertas válidas apenas em uma determinada data e outras ofertas com algumas opções de datas, mas não se engane, 100% das ofertas não são válidas para feriados e geralmente também são vendidas para “tapar o buraco” da baixa temporada.

usando site de compra coletiva


Uma boa prática é pesquisar no Google sobre a empresa que está fazendo a oferta, bem como sobre o próprio site. Você verá o grande número de reclamações e relatos de pessoas que acabaram perdendo dinheiro, quando na verdade queriam fazer uma economia.

Um ponto bem observado durante o debate, foi que sites de Compra Coletiva não costumam ter um número de telefone para reclamações e dúvidas, o famoso SAC, pois isso seria um tiro no pé tendo em vista o grande número de reclamações.


Mesmo mochileiros e viajantes independentes que acabam não comprando pacotes fechados, podem querer dar uma economizada utilizando sites de Compra Coletiva para reserva a hospedagem, reservar algum passeio ou até comprar um cupom para um restaurante.

As regras são as mesmas:

– Leia todas as regras da oferta antes de efetivar a compra
– Fique atento se você deve fazer a reserva antes de utilizar o cupom
– Verifique as datas em que o cupom poderá ser utilizado
– Não existe oferta milagrosa, duvide de algo muito barato

compra coletiva de viagem


Ao meu ver, ofertas em sites de Compra Coletiva ajudam a dar mais visibilidade para o destino, mas acredito não ser a melhor forma para a divulgação de um destino.

Vamos pensar juntos: uma pousada em determinado lugar oferece um pacote por um preço bem em conta. Muitas pessoas compram e a pousada não dá conta de atender à todos de forma satisfatória.

Teve bastante visibilidade, mas e a propaganda do mal atendimento?

Se a ideia for divulgação, existem outras formas de alcançar esse objetivo.


Finalizo dizendo que não sou contra esse tipo de site, muito pelo contrário, já comprei várias ofertas e inclusive já fiz um post sobre como economizar com os sites de Compra Coletiva.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...